Metade dos usuários do Instagram usam “app” no Android

O serviço, criado pelo brasileiro Mike Krieger e pelo americano Kevin Systron, começou a ser desenvolvido em maio de 2010. Desde o início, ele foi pensado para ser utilizado por meio de smartphones e tablets, mas ficou restrito ao iPhone até abril de 2012.

Lançado para Android no dia 3 de abril de 2012, na época o Instagram tinha 30 milhões de usuários na plataforma iOS, da Apple. Em apenas um dia, mais de 1 milhão de downloads do “app” foram feitos para Android na Play Store.

“O Instagram para Android nos ajudou a fazer a comunidade se tornar mais global do que nunca. Grandes eventos como o Círio de Nazaré no Brasil, o 85º aniversário do rei Bhumibol da Tailândia e grandes tempestades na Malásia foram capturadas por usuários do Instagram no Android e compartilhados para todo o mundo”, diz o engenheiro do Instagram Philip McAllister em comunicado.

Apesar dos 100 milhões de usuários, o Instagram não conta com um modelo de negócio definido, ou seja, o aplicativo, disponibilizado gratuitamente, não ganha dinheiro com as postagens dos usuários ou com propagandas.

Fonte: Ig

Anúncios

Android foi originalmente criado para câmeras digitais

O sistema Android atualmente lidera o mercado estando presente em quase 70% dos smartphones no mundo. Mas a plataforma originalmente não foi desenvolvida para estes aparelhos.

De acordo com seu criador, Andy Rubin, a ideia inicial era que o Android fosse utilizado em câmeras digitais, para que elas se conectassem a PCs de uma maneira nova – por exemplo, com apps.

Contudo, Rubin revelou que, quando o primeiro iPhone foi lançado pela Apple, todos perceberam que o que os consumidores buscavam era outra coisa. Segundo o desenvolvedor, ele e seus colegas rapidamente chegaram à conclusão de que o mercado de câmeras digitais era limitado demais para as possibilidades do sistema.

20291116316153855

A visão de criar um sistema operacional gratuito veio também com a queda dos preços de componentes para dispositivos móveis à época.

“Nós queríamos a maior quantidade possível de celulares rodando o Android. Portanto, em vez de cobrar US$ 59 ou US$ 69 no sistema, nós o oferecemos de graça, pois sabíamos que a indústria era sensível aos preços”, disse Rubin.

Andy Rubin também citou que, apesar das inovações trazidas pelo aparelho da Maçã, o que realmente o assustava (nos primeiros anos do Android) era toda a força da Microsoft na hora de conquistar clientes, além de todo o poder e dominação de mercado do Symbian.

Fonte: pcworld

 

Rovio anuncia criação de playgrounds de Angry Birds no Brasil

angrybirds

A Rovio, produtora do jogo para celulares “Angry Birds” anunciou que lançará os primeiros playgrounds oficiais dos pássaros raivosos no Brasil. Resultado de uma parceria com a BRMALLS, empresa brasileira de shopping centers, os espaços funcionarão em formato itinerante, passando por 32 unidades da rede até 2014.

Além dos parques, alguns eventos também irão rolar nas cidades selecionadas, ainda sem definição. No total, o parque terá 250 metros quadrados e contará com uma tirolesa com mais de 10 metros de altura.

Os primeiros locais a receber os parques são o Mooca Plaza, em São Paulo, o Norte Shopping, no Rio de Janeiro, o Shopping Estação, de Curitiba e o Campinas Shopping. Itinerantes, os parques funcionarão em cada local por um mês e depois seguirão para outros centros da rede.

204966-angry-birds

“Cada vez mais oferecemos as melhores opções para toda a família. Essa aproximação de marcas de grande sucesso permite que a BRMALLS entregue aos seus clientes momentos de lazer e interação únicos com personagens que encantam crianças, jovens e adultos. Nos shoppings, o cliente vai poder vivenciar aquilo que experimentou antes no mundo virtual”, explica Ruy Kameyama, Diretor de Operações da BRMALLS.

A BR Malls desenvolveu três tipos de playgrounds, de tamanho pequeno, médio e grande, para serem instalados nas áreas de lazer. Os shoppings selecionados para receber os parques atendem as classes A, B e C. “Não focamos em uma única classe porque o Angry Birds tem sido um sucesso em diferentes públicos”, disse o executivo.

Entre pagamento de royalties, marketing e infraestrutura, a BRMALLS investiu R$ 5 milhões no projeto, já implantado com sucesso pela Rovio em países como China e Inglaterra “Nosso posicionamento vai além do desenvolvimento de jogos. A Rovio é uma empresa de entretenimento. A conexão entre o analógico e o digital é fundamental para engajar o consumidor nesse mercado”, afirma Peter Vesterbecka, cofundador e diretor de marketing da Rovio.

Fonte: maxpressnet

Como seria a vida de Eduardo e Mônica se eles tivessem se conhecido nos dias de hoje

Renato Russo, com sua música Eduardo e Mônica criou um dos casais mais famosos da música brasileira, conta a história de pessoas distintas que se conhecem por acaso. Nesta versão do Gui Toledo, a história do casal foi contada supondo o que teria acontecido se eles tivessem se conhecido nos dias de hoje, da revolução digital. Confira:

Sing Together:

Eduardo abriu os olhos, e do blog foi cuidar
Ligou o note e fez um post fera
Enquanto Mônica vestida de pinup
Dentro de um Cadilac pra um ensaio brega

Eduardo e Mônica um dia se encontraram no rolê
E por sorte ao mesmo tempo foram para o WC
Mas a fila do banheiro tava dando preguiça
E quase passando mal, ela pede pra sair!

Que se dane, essa timidez maldita
Eu vou dar uma mão, quem sabe ela facilita
Mas a Mônica é bi e uma moça veio atrás
E o coitandinho nao sabia o que falar

O Eduardo, meio tonto, “minha visão ta duplicada
Com essas duas, eu vou me ferrar”
Acho que era Mônica, deve ser esse o nome
Mas chegando em casa, eu vou ter que stalkear

O Eduardo revirou a internet
Mas a mônica usava foto fake de avatar
Se encontraram no campus da faculdade
A Mônica na pós tomando chá de cogumelo

E o Eduardo que era bixo, achou melhor não comentar
Que achava estranho UNDER CUT no cabelo
Eduardo e Mônica era nada parecido
Ela tinha profissão e ele fazia cosplay

Ela fazia curso on line lá no Afeganistão
E ele não largava o Playstation 3
Ela gostava de Almodovar e Tim Burton
Starbucks, dos Strokes e da Maria Gadu

E o Eduardo de Guerra nas Estrelas
E guardava a coleção de action figures do Goku
Ela falava coisas sobre a Igreja Universal
Homofobia e Procrastinação

E o Eduardo ainda estava no esquema
V1D4 L0K4, Cinema, wi-fi, conexão
E mesmo com tudo diferente, veio mesmo de repente
Uma vontade de se ver

E os dois se encontravam todo dia
E a vontade crescia como tinha de ser
Eduardo e Mônica fizeram curso de fotografia
Compraram go pro hero e foram viajar

A Mônica mostrava pro Eduardo
Vídeos sobre o como ele deveria se expressar
Ele vlogou pra valer, esperou o canal crescer
E decidiu monetizar (Sim!)

E ela até chorou naquele mês
Que o Adsense resolveu pagar
E os dois fizeram videos juntos
E também ficaram putos, muitos haters depois

E todo mundo diz que ele é o Link dela
E que ela é a Zelda, que a Nintendo sonhou
Construiram um puxadinho no quartinho de trás
Meio apertado, mas com custo zero

Por que na casa da sogra eles não pagam aluguel
Foi a melhor ideia que tiveram
Eduardo e Mônica estão noivos, eu sabia
Ta rolando la no Face, vi a notificação

Só que não tem data para se casar, PORQUE TEATRO NAO DA GRANA E INTERNET TAMBÉM NÃO!

E quem um dia irá dizer
Que existe razão
Nas coisas feitas pelo coração?
E quem irá dizer
Que não existe razão?

Creditos:

Desenhos – Luciano Andrade (http://lukesdrad.deviantart.com)
Edição – Gui Toledo e Bruno Felix
Áudio – Jp Caetano (Bateria), Luiz Angelo Pizzonia (Baixo e Violão) e Gui Toledo (voz, edição e mixagem)
Letra – Braian Rizzo, Bruno Felix, Gui Toledo, Luciano Andrade, Diego Ferraz, Thabata carvalho e toda a galera do facebook!

Acesse o site http://www.duka7.com.br para ver mais vídeos duka7 como esse!

As 4 utilidades secretas escondidas no seu celular: Verdade ou Mito?

garota cel Conheça as 4 utilidades secretas escondidas no seu celular!

Esta semana recebi uma mensagem mencionando 4 utilidades escondidas que, supostamente, estariam presentes em qualquer telefone celular. Foi o que bastou para que fosse colocar as afirmações à prova. Para isso, usei meu aparelho atual, o x10 mini pro, e classifiquei as afirmações como sendo ou não mitos. O que eu descobri, divido com vocês logo a seguir.

 

O número universal de emergência para celular é 112

Diz a mensagem: “Se você estiver fora da área de cobertura de sua operadora e tiver alguma emergência, disque 112 e o celular irá procurar conexão com qualquer operadora possível para enviar o número de emergência para você, e o mais interessante é que o número 112 pode ser digitado mesmo se o teclado estiver travado“.

Plausível. Realmente, discar o número 112 no teclado do meu celular fez com que a inscrição “Chamada de Emergência” aparecesse no visor, indicando o que, provavelmente, se transformaria numa chamada de emergência. No entanto, não completei a chamada — basicamente por não estar realmente em uma emergência, e assim, apenas posso acreditar que a coisa funcione.

 

O celular pode ser usado para destrancar seu carro

Diz a mensagem: “Você já trancou seu carro com a chave dentro? Seu carro abre com controle remoto? Bom motivo para ter um celular. Se você trancar seu carro com a chave dentro e a chave reserva estiver em sua casa, ligue pelo seu celular, para o celular de alguém que esteja lá. Segure seu celular cerca de 30cm próximo à porta do seu carro e peça que a pessoa acione o controle da chave reserva, segurando o controle perto do celular dela. Isso irá destrancar seu carro, evitando de alguém ter que ir até onde você esteja, ou tendo que chamar socorro. Distância não é impedimento. Você pode estar a milhares de quilômetros de casa, e ainda assim terá seu carro destrancado”.

Mito. Ao tentar realizar este procedimento com meu celular, não obtive sucesso. Quem foi que disse que celulares e alarmes de carro operam na mesma frequência?

 

Existe um código secreto que libera carga de bateria extra para o celular

Diz a mensagem: “Vamos imaginar que a bateria do seu celular esteja fraca. Para ativar, pressione as teclas *3370#. Seu celular irá acionar a reserva e você terá de volta 50% de sua bateria. Essa reserva será recarregada na próxima vez que você carregar a bateria”.

Mito. Digitar o código em questão em meu celular fez com que eu obtivesse a resposta “Dados Inesperados“. Como, das afirmações que são realizadas na mensagem, esta é, na minha opinião, sem sombra de dúvida a mais sensacional e útil de todas, fiz uma busca internet afora, procurando saber se, eventualmente, a mensagem que recebi continha um código que tivesse sido transcrito erroneamente, mas apenas percebi que o código está correto.

Investigando um pouco mais, descobri uma nota no site Snopes, especializado em listar rumores e boatos das mais diversas categorias. Depois de ler a informação em questão, foi possível me convencer de que a coisa toda é, na verdade, um mal entendido, e pode inclusive causar o efeito contrário em alguns aparelhos, como os da marca Nokia:

The claim that pressing the sequence *3370# will unleash hidden battery power” in a cell phone seems to be a misunderstanding of an option available on some brands of cell phone (such as Nokia) for Half Rate Codec, which provides about 30% more talk time on a battery charge at the expense of lower sound quality. However, this option is enabled by pressing the sequence *#4720#; the sequence *3370# actually enables Enhanced Full Rate Codec, which provides better sound quality at the expense of shorter battery life.

 

Existe um código secreto que pode evitar que terceiros usem seu celular em caso de roubo

Diz a mensagem: “Para conhecer o número de série do seu celular, pressione os seguintes dígitos: *#06#. Um código aparecerá. Este número é único. Anote e guarde em algum lugar seguro. Se seu celular for roubado, ligue para sua operadora e dê esse código. Assim eles conseguirão bloquear seu celular e o ladrão não conseguirá usá-lo de forma alguma. Talvez você fique sem o seu celular, mas pelo menos saberá que ninguém mais poderá usá-lo. Se todos fizerem isso, não haverá mais roubos de celular“.

Plausível. Digitar o código em questão exibiu, em meu aparelho, o IMEI — sigla, em inglês, para International Mobile Equipment Identity, um código que realmente identifica cada aparelho celular de forma única, e que pode mesmo ser utilizado não apenas para rastrear os aparelhos, mas também para bloqueá-los em caso de roubo. A razão para classificar este item como plausível se baseia em dois fatores. O primeiro, que nem todos os aparelhos exibem o IMEI utilizando-se a combinação em questão. O segundo, que a possibilidade de a operadora bloquear seu aparelho apenas com o IMEI existe, mas pode ser em muitos casos, limitada.

 

O resultado final, a meu ver, não é animador. A mensagem que recebi mistura, deliberadamente, pontos que são factíveis e reais com outros que não têm nenhuma indicação de que poderiam sequer funcionar. De qualquer maneira, pelo menos para uma coisa esses testes serviram: Eliminar dúvidas, de uma forma divertida…

Google Glass terá sistema de som transmitido pelos ossos, sem fones

O Google revelou as especificações completas do Google Glass, e com ele uma surpresa ainda inédita no mercado: o gigante das buscas usará um sistema de áudio baseado na transdução por condução. Através das hastes dos óculos, o som será transmitido para o ouvido do usuário por meio de microvibrações em determinados ossos de sua cabeça, sem usar nenhum tipo de alto-falante.

Google Glass (Foto: Divulgação)

A divulgação aconteceu nesta segunda-feira (15), junto com a produção das primeiras unidades e a disponibilização da documentação da Mirror API para desenvolvedores.

Além da surpresa do áudio, a tela montada a frente do olho do usuário também chamou atenção. Serão 640 x 360 pixels de resolução que, em proporção, equivaleria a um monitor de 25 polegadas de alta definição colocado a 2,5 metros de distância do espectador.

Junto a isto, os recursos multimídia dos óculos incluem uma câmera de 5 megapixels para fotos, com possibilidade de gravar vídeos em 720p. Já a capacidade de armazenamento total é de 16 GB, dos quais 12 GB serão utilizáveis e sincronizados com o serviço de nuvem da Google. Para se conectar a Internet, ele usará o padrão 802.11 b/g ou o Bluetooth pareado a outros dispositivos.

Segundo o Google, o óculos será compatível com qualquer celular que possua Bluetooth, mas seu funcionamento pode variar de acordo com cada aparelho. Os recursos de SMS e GPS, por exemplo, só serão possíveis através do aplicativo “MyGlass Companion”, que requer Android 4.0.3 ou superior.

Para sustentar todos estes recursos, a bateria terá duração de um dia “de uso típico”, segundo o Google. A companhia lembra, nessa especificação, que recursos como Hangouts e gravação de vídeos podem pedir um uso mais intenso da bateria, que será recarregada via cabo microUSB.

Referência: techtudo

O que esperar do Google Glass? Compartilhe suas expectativas com outros leitores do blog.

Promoção Clube X5 Computadores!

Promoção da Clube X5 computadores galera!

Você acumula pontos de acordo com número de visitantes em sua página da promoção!
Acesse o link abaixo para concorrer a um computador no valor de R$ 3200,00!

http://www.x5computadores.com.br/clube/pc.php?c=87fc42be942cb5d12d70a145f5004628f6f3a928

Participe você também, publique no seu facebook, twiter, orkut, website para acumular pontos e ganhar um super computador!