Dicas de segurança para você e seu smartphone Android

Você já deve ter lido por aí que, recentemente, o primeiro grande trojan de ataque a smartphones Android foi detectado na Rússia. Se ainda não leu, não entre em pânico.

Recentemente, a Kaspersky, empresa especializada no desenvolvimento de antivírus e soluções de segurança de dados, identificou o primeiro trojan criado para roubar dinheiro de usuários de smartphones Android.

Se passando por um player multimídia de apenas 13KB, o programa malicioso dispara mensagens SMS para números de serviços-fantasma sem que o usuário perceba. O prejuízo só é percebido depois na conta ou no esgotamento dos créditos. (Leia a história completa, aqui.)

Antes que os usuários de smartphones com menos experiência entrem em pânico, aqui vão algumas dicas para aproveitar tudo o que o Android oferece sem correr riscos.

1. Baixe aplicativos apenas de fontes confiáveis

Se quiser baixar um programa para o seu aparelho, procure por ele no Android Market. Tome cuidado com arquivos oferecidos em sites, blogs e fóruns de terceiros, pois não dá para comprovar a origem e a veracidade do que há em algumas dessas páginas.

2. Verifique as permissões do aplicativo antes da instalação
Sempre que você for instalar um novo programa no seu smartphone Android, observe as permissões solicitadas pelo aplicativo. Antes da instalação, todos os programas baixados do Android Market informam quais serão os recursos do aparelho que eles terão acesso. Se, por exemplo, um programa de papéis de parede informar que terá acesso à função de SMS ou outra que não faça muito sentido, desconfie.

3. Mantenha seu smartphone atualizado
Atualize o software de seu smartphone Android sempre que o fabricante oferecer atualizações para o aparelho. Vá à página do fabricante e baixe o software de lá ou de um lugar seguro indicado por ele. Siga as instruções de instalação recomendadas.

4. Use o bom senso sempre
Está indeciso se instala ou não um programa? Na dúvida, não instale o aplicativo. Caso tenha instalado o software, lembre-se de que você pode removê-lo de seu aparelho a qualquer momento. Para isso, basta desinstalá-lo.

Anúncios

Por que não é possível atualizar o X8, X10 mini e X10 mini pro com o Android 2.3 normalmente?

Com o anúncio da versão 2.3 para o Xperia™ X10, os donos dos menores smartphones do mundo reclamaram. A Sony Ericsson esclareceu melhor como funciona o desenvolvimento de software para Android.

“O Android é um sistema operacional aberto, por isso mesmo atrai tantos desenvolvedores entusiasmados. Entretanto, o código liberado para os fabricantes não é completo o suficiente para lançar um produto comercial. Cada fabricante adiciona drivers, aplicações, requisitos de operadoras, novas funções e faz a integração com o hardware. Durante este processo, são feitos exaustivos testes que garantem o consumo de energia, estabilidade e desempenho do produto.

Cada nova versão Android também tem requisitos mínimos de performance, memória, resolução de tela, entre outros, que torna mais díficil ou até mesmo incompatível rodar uma nova versão em um hardware anterior.

O X10 foi escolhido para receber a versão 2.3 pois seu hardware é mais próximo do utilizado na nova linha 2011 de aparelhos Xperia™ e ele atende mais facilmente aos requisitos do Android 2.3. o X10, em termos de hardware, é mais próximo dos futuros lançamentos. Com essa proximidade,  foi possível adaptar o Android 2.3 sem comprometimento do desempenho do X10.

No caso dos X8, X10 mini e mini pro, o processador, a configuração de memória e a resolução da tela são diferentes. No momento, não temos uma solução com qualidade comercial que possibilite utilizar o Android 2.3 nestes produtos, por isso apenas o X10 está recebendo a atualização.

Este é um posicionamento mundial da Sony Ericsson, o consumidor brasileiro recebe os mesmos updates que todos os outros mercados estarão recebendo.

A Sony Ericsson gostaria de ressaltar que o X10 mini e X10 mini pro, que chegaram ao mercado com o Android 1.6, já receberam uma atualização de software para a versão 2.1 do Android. No entanto, a empresa ainda não registrou um número grande de atualizações feitas pelos usuários. Por isso, pedimos a vocês que consultem o post que ensina como atualizar o X10 Mini e X10 Mini Pro para a versão 2.1 e realizem o upgrade.”

 

Para os usuários que gostam de se aventurar, disponibilizamos no blog o tutorial de atualização do aparelho x10 mini pro para o Android 2.3.7 esse tipo de atualizaçao não é oficial, o software que será instalado é modificado, testado e aperfeiçoado por desenvolvedores ou usuários até ficar totalmente compatível com o aparelho. A maioria dessas atualizações ainda estão em fase de testes ou em desenvolvimento.

Fique de olho no que você baixa

O Market tem centenas de milhares de apps. A variedade é tanta que dá vontade de baixar tudo. Mas é preciso tomar cuidado com o que você coloca no seu aparelho.

Com a versatilidade dos smartphones, é duro resistir à tentação de entupir o aparelho de apps. Lanterna, bússola, games, existe um monte de coisa bacana para experimentar.

O problema é que existe gente para lá de mal intencionada de olho justamente nesse comportamento desbravador do usuário Android.

O golpe funciona assim: um app extremamente popular é escolhido e é feita uma versão falsa, que copia o visual da primeira tela. Aí, ele vai para o Market com o mesmo nome, ou só com uma letra ou espaço a mais ou a menos no nome. A pessoa desavisada faz a busca pela palavra chave e acaba fisgada pelo app fajuto.

O que acontece depois é preocupante. Além do potencial de roubar todos seus dados, o app do mal pode sair fazendo chamadas internacionais sem permissão.

A postura do Google é retirar apps suspeitos do Market assim que uma denúncia aparece. Apps infectados normalmente são cópias, feitas para ludibriar o usuário e instalar malwares. Por isso é importante instalar apenas apps presentes no Market e com um grande número de recomendações.

Também por isso usamos o link direto, que não dá margem para enganos com apps falsos e perigosos. Só a busca pela palavra chave pode não ser suficiente, pois os falsários apostam justamente na confusão do usuário para “conseguir” entrar no aparelho.

A dica final: fique de olho nas permissões que o app pede. A não ser que a indicação venha de fonte confiável, fique com o pé atrás se um app pedir um monte de permissões. Dê uma olhada no Market e veja os comentários e a nota do app. Se a nota for baixa ou as reclamações forem maioria, passe longe.

Problemas para autenticar sua conta Google?

Muitos usuários têm se queixado de dificuldades para entrar na conta Google usando um smartphone Android. Veja uma forma de tentar contornar o problema.

Sem uma conta Google válida, uma grande parte do mundo Android fica de fora do smartphone. Sem e-mail, contatos da web e documentos fica difícil…

O aparelho não consegue autenticar a conta Google por 3G ou Wi-Fi. E um smartphone sem conectividade não é um smartphone completo.

Para tentar sanar o problema, e pelo menos conectar aos serviços Google via WiFi, siga o procedimento descrito:

ATENÇÃO: faça antes o backup dos dados do telefone se quiser. Apesar de não afetar os dados guardados no cartão SD, o procedimento faz uma formatação completa no aparelho.

Para tentar recuperar a conectividade com os serviços Google:
1 – Instale a última versão do PC Companion
2 – Clique na caixa Support Zone e espere o Companion baixar o complemento
3 – Conecte seu telefone ao PC e clique na caixa Support Zone
– Aí, selecione Atualização do Software do Telefone
5 – Finalmente, clique em Reparar

Conseguimos recuperar parcialmente um X10 que estava com problema de autenticação, mas apenas no modo Wi-Fi. O fenômeno foi observado em diversos aparelhos, de diversas marcas.

Não é garantido que o procedimento vá funcionar, mas seguimos a receita do reparo aqui e o Wi-Fi voltou ao X10.

Qual o risco de usar apps adquiridos fora do Market?

Já mostramos como instalar apps baixados da internet, o que é muito útil se você compra um game ou programa de navegação GPS direto da produtora e precisa instalar por conta própria. O procedimento de instalação é totalmente seguro, mas é preciso ter certeza do que você coloca para rodar no seu aparelho.

 

Quando você compra um app de uma empresa legítima, você também tem direito a suporte técnico e na maioria das vezes atualizações grátis.

Ao comprar um app do produtor, você também tem como se defender caso o app acesse recursos ou envie informações suas sem seu consentimento. Por exemplo, quando você instala um app do Market, sempre aparece uma telinha que indica o que esse app tem acesso. Apps legítimos comprados de terceiros também trazem essa informação. Aí é que a coisa complica quando são usados apps de origem duvidosa. Um inocente joguinho conseguido de forma paralela pode esconder surpresas nada agradáveis. Se ele tiver acesso ao sistema de telefonia do aparelho pode fazer ligações sozinho ou mandar mensagens SMS sem seu consentimento. E normalmente são ligações internacionais, caríssimas. Fora que apps mal intencionados podem enviar suas senhas e dados, o que nunca é bom.

Por isso, só utilize apps que não foram baixados diretamente de produtoras legítimas ou pelo Market se você tiver certeza do que está fazendo. Além da questão das cópias ilegais – que são puníveis pela lei brasileira – você se expõe a uma série de riscos desnecessários. E, convenhamos, os preços dos apps estão cada vez mais convidativos, não?

Como instalar um app copiado para o cartão de memória do aparelho?

Aprenda a instalar apps do seu computador para o seu aparelho sem nenhuma complicação.

Antes de começar, você precisa ter o Astro File Manager instalado. Sem ele, é impossível instalar conteúdo que não tenha vindo do Market. O tutorial é um pouco extenso, mas é simples de seguir:

Para habilitar a instalação de apps:
1 – No menu principal, vá em Configurações > Aplicativos
2 – Selecione a opção Fontes desconhecidas.

Agora, seu aparelho poderá instalar apps que não foram baixados pelo Android Market.

Para colocar o app no seu aparelho:
1 – Copie o arquivo que você comprou ou baixou para o cartão de memória do aparelho.
2 – Os apps são arquivos com a extensão .APK. Por exemplo, TESTE.APK. Lembre-se de colocar o app em uma pasta que você ache facilmente depois.

Então, você precisa usar o Astro para instalar o arquivo:
1 – Abra o programa e aperte o botão Menu (o da esquerda, no aparelho)
2 – Selecione Mais>Preferences
3 – Vá até o pé da tela e selecione Application Manager Preferences
4 – Selecione Show Icons Agora, você vai poder identificar pelo ícone o app que vai instalar.

Agora o passo final, a instalação:
1 – Aperte o botão de voltar (botão direito do aparelho) duas vezes se estiver ainda na tela de configuração
2 – No Astro, selecione a pasta para onde você copiou o app, como Downloads, por exemplo
3 – Selecione o App, para aparecer a mensagem Application File
4 – Selecione Open App Manager
5 – Aí, é só escolher Install que o app aparecerá no seu menu principal

 

 

Universal Androot faz root em vários Androids sem necessidade de PC

O aplicativo gratuito Universal Androot faz o root em um bom número de aparelhos (inclusive o x10 mini pro) com apenas alguns cliques, até sem PC ou emoções na hora de hackear.

Tudo que você precisa fazer é baixar o app para o telefone, instalar usando algum gerenciador de pastas (sugerimos o Astro Manager, e lembre-se de marcar “Fontes desconhecidas” nas Configurações > Aplicativos), abri-lo, e clicar Go Root.

É preciso escolher sua versão do Android, e você pode fazer até um Soft Root, que faz o root por apenas uma sessão do aparelho. Feito isso, você poderá baixar aplicativos para aparelhos rooteados como o Wireless Tether, o SetCPU e até instalar ROMs customizadas com o ROM Manager.

O Universal Androot é gratuito e serve para uma lista extensa de smartphones com Android. Clique no link abaixo para ir até o XDA-Developers, cadastre-se rapidamente no fórum e baixe o aplicativo. Mesmo o aplicativo sendo muito fácil de usar, nós recomendamos que você leia como funciona o processo de root  para saber direito o que você está fazendo.

1-Click Root for N1 [XDA-Developers via #dicas]